As Perguntas sem Resposta

Da janela da cozinha, ela via-as a brincar no pequeno jardim bem cuidado.
Colocou alguns pedaços de fruta numa embalagem de plástico e enfiou-a numa pequena maleta térmica onde colocou, também, uns pacotes de sumo e uma garrafa de água.
Pendurou uma grande sacola ao ombro, agarrou num guarda-sol, e saiu para o pequeno jardim e disse Vamos meninas, e elas, aos gritinhos e a brincar uma com a outra, pegaram cada uma na sua mochila, colocaram-na às costas e saíram as três juntas de casa.
Chegadas à praia, a mãe espetou o guarda-sol na areia e estendeu umas toalhas enquanto as filhas se despiam. Depois besuntou-as com creme protector.
A seguir despiu-se. Agarrou na filha mais nova e abraçou-a muito, e beijou-a. À mais velha puxou-a para si e deu-lhe um abraço e um beijo na face. Vamos ao banho?, perguntou e, contentes, as miúdas disseram Sim, sim, sim…
À beira-mar começaram por molhar os pés. As miúdas davam saltinhos e gritavam, contentes. A mãe pegou na mão da mais pequena e levou-a com ela, mais para dentro do mar. A mais velha ia um pouco mais à frente. E começou a nadar.
Quando a água já quase cobria a filha mais nova, a mãe largou-a. Chegou-se ao pé da filha mais velha e colocou-lhe a mão sobre a cabeça, até esta parar de se debater. Depois, começou a nadar em direcção ao horizonte. Mergulhou e nunca mais subiu.
Nenhum corpo voltou à praia.

[escrito directamente no facebook em 2017/08/17]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s